Você está aqui: Página Inicial » Estágios » Programas de Estágios Internacionais » INOV Contacto - Estágios Internacionais
Acções do Documento

INOV Contacto - Estágios Internacionais

O que é?

 

O Programa INOV Contacto - Estágios Internacionais para Jovens Quadros - é um projecto que visa apoiar a formação de jovens com qualificação superior em contexto internacional, bem como permitir a transmissão de informação entre os participantes no Programa através de uma rede informal de conhecimento e de uma crescente rede de contactos internacionais: a NetworkContacto.

 

É uma iniciativa promovida pelo Ministério da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento, apoiado pela União Europeia e pelo QREN/POPH e gerida pela aicep Portugal Global.

 


Quem pode participar?

 

Serão aceites as candidaturas de todas as formações académicas incluídas no formulário de inscrição, embora sejam consideradas preferenciais as áreas de formação em Gestão/Economia, Marketing, Engenharias (Civil, Mecânica, Biologia/Biotecnologia, Industrial) e Tecnologias de Informação/ Redes / Telecomunicações (incluindo Matemática Aplicada, Engenharia Informática e afins).

Para os candidatos provenientes dos cursos de Tecnologias de Informação, é valorizado o interesse e experiência na área de redes (Networking), respectiva certificação internacional bem como conhecimentos técnicos em redes (routing e switching), nomeadamente na área de segurança.

 

 

São destinatários do INOV Contacto, os jovens que preencham os seguintes requisitos obrigatórios:

a) Permaneçam legalmente em território nacional continental;

b) Tenham até 30 anos de idade inclusive, à data de início do estágio;

c) Possuam qualificação superior, comprovada pelo diploma de licenciatura (nível V), ou equivalente; 

d) Sejam fluentes em português, em inglês e noutro idioma, preferencialmente francês, alemão, espanhol ou italiano. Durante a fase dos testes de recrutamento, os candidatos terão que entregar um certificado com a avaliação do conhecimento da língua inglesa. Este certificado pode ser obtido numa Escola/Instituto de Línguas mediante a realização de um exame que afira o nível escrito e oral do idioma na escala EUROPASS ou com a respectiva equivalência; Sugerimos algumas escolas que podem contactar para este efeito: Cambridge School; British Council Portugal; Wall Street Institute; Escola Europeia de Línguas; Oxford School;

e) Tenham domínio de informática na óptica do utilizador;

f) Tenham disponibilidade para viver no estrangeiro e capacidade para, com total autonomia, garantir o normal cumprimento das obrigações decorrentes do presente Regulamento;

g) Encontrem-se desempregados, ou à procura de 1º emprego, à data de início do estágio;

h) Apresentem declaração, sob Compromisso de Honra, que possuem robustez física e o perfil psíquico exigidos para o exercício de funções profissionais, públicas ou privadas ou, em sua substituição declaração médica que ateste que cumprem esses requisitos.

i)

 

Só é possível participar no Programa InovContacto uma única vez.

 

Inscrições de Empresas:

As empresas e organizações interessadas em acolher estagiários no âmbito deste projecto devem assegurar os seguintes requisitos:

  • Elaborar um plano de tarefas  detalhado para o estágio em Portugal (quando aplicável) e no estrangeiro;

  • Nomear responsáveis de estágio, quer em Portugal (quando aplicável), quer no estrangeiro, que efectivamente acompanhem o estagiário desde o primeiro dia e possam efectuar uma análise/avaliação séria e regular do cumprimento do Plano de Estágio proposto;

  • Aprovar mensalmente o relatório de horas de formação submetido pelo estagiário;

  • Apresentar relatórios (intercalares e final) de avaliação relativamente ao desempenho do estagiário e grau de cumprimento do Plano de Estágio;

  • Cumprir os objectivos e plano de trabalho conforme funções e detalhe transmitido no Plano de Estágio;

  • Contactar a equipa coordenadora do Programa sempre que se verifique qualquer alteração ao Plano de Estágio proposto e sempre que se verifique qualquer impossibilidade no desenrolar do próprio estágio;

  • Assegurar que o estágio decorrerá de forma contínua e ininterrupta, com as necessárias adaptações às práticas e regras da entidade e do mercado receptor, não estando previstos quaisquer períodos de férias durante o período de estágio;

  • Comunicar, com a antecedência de 2 meses, à Coordenação do Programa INOV Contacto a necessidade de uma interrupção do estágio, nomeadamente pelo encerramento total para férias;

  • Alocar um posto de trabalho com todos os equipamentos inerentes ao mesmo, nos quais se deverá incluir obrigatoriamente um computador para utilização do estagiário no âmbito das actividades associadas ao estágio;

  • Permitir o acesso a um serviço de correio electrónico, no sentido de facultar ao estagiário a comunicação com a equipa de coordenação do Programa INOV Contacto, bem como o envio de trabalhos que lhe venham a ser solicitados pela AICEP;

  • Garantir que o estágio se desenrole nas instalações da própria entidade, quer em Portugal (quando aplicável) quer no Estrangeiro, ou em outros locais por ela designados, desde que sejam do conhecimento prévio da AICEP, e sobre eles haja acordo;

  • Suportar integralmente o custo das deslocações em serviço para fora do local da cidade receptora do estágio, no âmbito do estágio realizado no estrangeiro. Caso essa deslocação ocorra para outro País, a mesma deverá ser previamente acordada com a Gestão do Programa INOV Contacto, para que os Seguros sejam devidamente accionados;

  • Submeter uma candidatura por cada perfil pretendido.

Os mercados envolvidos e as entidades participantes serão escolhidos de acordo com seu grau de interesse para o tecido económico português. A coordenação do programa efectua uma análise à(s) candidatura(s) de cada entidade, apreciando o plano de estágio apresentado na fase de inscrição e avaliando os seguintes critérios:

  • Coerência do projecto face aos resultados pretendidos;

  • Carácter inovador das acções propostas;

  • Contributo do projecto para a qualificação e valorização dos recursos humanos;

  • Capacidade de penetração nos mercados externos;

  • Estratégia claramente definida para a internacionalização;

  • Orientação para áreas críticas para a inovação e desenvolvimento empresarial, nomeadamente nos domínios da economia, gestão, marketing, engenharia, ciência e biotecnologia, tecnologias, comunicação e design;

  • Disponibilidade das entidades para a integração dos jovens no final do Programa, caso os objectivos sejam cumpridos;

  • Análise do histórico de colaboração anterior no projecto Inov Contacto e respectivo output ao longo das várias edições.

 

Processo de Selecção dos Candidatos:

 

 

 

A selecção dos candidatos ao Programa de Estágios Internacionais INOV Contacto é efectuada por fases onde são avaliadas as competências, capacidades e potencialidades consideradas essenciais para o efectivo desempenho e sucesso do estágio.

Este  processo, da responsabilidade da aicep Portugal Global tem por base o número de vagas disponíveis por edição e é concretizado por etapas, todas eliminatórias, a saber:

Etapa 1 - Pré-Selecção das candidaturas. Ponderação de requisitos determinados previamente e numa dupla perspectiva:

  • Do candidato: tipologia da licenciatura, média final de curso, domínio de idiomas, domínio de informática;

  • Das entidades de acolhimento: perfis previamente identificados e pedidos das entidades inscritas no programa.

Etapa 2 - Selecção e Recrutamento. Avaliação da motivação, capacidades técnicas e de personalidade.

Etapa 3 - Entrevista de Certificação Final.

Todas as etapas indicadas são eliminatórias. 

A conclusão com sucesso de todas as fases de recrutamento e selecção não significa entrada automática no programa de estágios, uma vez que tal dependerá da existência de entidades acolhedoras inscritas com interesse pelo perfil dos candidatos em questão.

Em nenhuma fase do processo de recrutamento e selecção o estagiário poderá escolher a  entidade, país ou funções no âmbito do estágio.

 

Todos os inscritos receberão resposta, via e-mail, sobre o resultado da sua candidatura.

Só é possível integrar o Programa INOV Contacto uma única vez.


Finalizado o processo de recrutamento e selecção, inicia-se a fase de Matching, cruzando os planos de estágio apresentados pelas entidades com os perfis dos candidatos que concluíram com sucesso o recrutamento e selecção.

A efectiva admissão ao Programa terá por base os pedidos de formação solicitados à AICEP, por parte das entidades inscritas, o que significa que os candidatos seleccionados só integram definitivamente o INOV Contacto se existir adequação do seu perfil às necessidades identificadas.

No final do processo de selecção e do "Matching" entre o perfil dos candidatos seleccionados e os pedidos recebidos, é divulgado, via e-mail, a todos os inscritos, o resultado do concurso.

Nota: A divulgação/comunicação aos estagiários da entidade receptora de estágio e do país de destino só é efectuada no final do "Campus" - Seminário sobre Estratégias e Experiências de Internacionalização e após a assinatura individual do Acordo de Estágio entre a AICEP e o Estagiário, em que este se obriga a cumprir todo o Regulamento, que dele faz parte integrante.

 

 

 

 


Duração:

O Programa, com duração global entre 6 a 9 meses, é composto por três fases:

Fase 1 - Curso de Práticas Internacionais, podendo incluir um período de formação em contexto real de trabalho, designado por Estágio em Portugal.

O Curso de Práticas Internacionais constitui uma Formação académica e técnica ministrada em sala, em regime intensivo durante um período de cerca de uma semana.

Fase 2 - Estágio no Estrangeiro.

Através de um estágio remunerado, os formandos são preparados para a vida activa e, simultaneamente, actualizam uma rede de contactos e conhecimentos nos mercados internacionais.

Fase 3 - Seminário de encerramento e apoio à integração. 

Balanço do Programa com a duração de 1 dia.

 

Financiamentos:

 

 

 

A aicep Portugal Global, como entidade responsável pelo programa, atribui aos estagiários seleccionados:

  • Uma bolsa mensal equivalente a duas vezes o IAS (indexante de Apoios Sociais), desde o primeiro ao último dia de estágio (1ª e 2ª fases). Durante a 2ª fase de estágio (estrangeiro) esta bolsa será complementada com um subsídio de alimentação e alojamento, calculado de acordo com o Índice de Custo de Vida da ONU e que varia consoante o mercado de acolhimento.

  • Seguro de Acidentes de Trabalho durante todo o estágio, e um Seguro Mundial de Saúde, durante o período de residência no estrangeiro e apenas nos países onde não existe reciprocidade de cuidados médicos.

  • A viagem de ida e volta, entre Portugal e o local de estágio no estrangeiro.

 

Cronograma

Consulte aqui o cronograma do programa.


Para mais informações, consulte:

Contact Center: 808 214 214   (só a partir de Portugal)

E-mail: aicep@portugalglobal.pt

Lisboa

Porto

Av. 5 de Outubro, 101
1050-051 Lisboa
Tel: + 351 217 909 500

O' Porto Bessa Leite Complex
Rua António Bessa Leite,
1430 - 2º andar
4150-074 Porto
Tel: + 351 226 055 300
Fax: + 351 226 055 399